Sol da manhã ou da tarde? Como escolher o seu apartamento pela posição solar

Na hora de comprar o seu imóvel, existem inúmeros aspectos que influenciam na hora de escolher aquele para chamar de seu.

Claro que nesses aspectos o custo, a localização e as vantagens que o imóvel oferece estão em destaque.

Porém, na hora da escolha, a incidência do sol nos cômodos também é um fator muito importante.

Inclusive, alguns imóveis que oferecem uma boa iluminação natural podem até mesmo chegar a ter um valor mais alto.

Um imóvel com uma boa incidência solar traz muitos benefícios, desde a prevenção do aparecimento de mofo e umidade até o conforto térmico.

Por isso, veja abaixo como escolher o imóvel ideal pela posição em que o sol bate nos cômodos.

Medida certa de incidência solar

Na hora de sair pesquisando um imóvel para comprar, para saber se o lugar tem uma boa incidência de raios solares é preciso levar em conta a localização dele em relação ao nascer e o pôr do sol.

Por exemplo, aqueles voltados para a face norte têm uma iluminação garantida em todas as estações.

Porém, essa escolha não é tão simples quanto parece, pois, se a pessoa reside em uma cidade com altas temperaturas, acaba não sendo tão interessante ter sol o dia todo batendo nos cômodos, já que se corre o risco de deixar o ambiente mais quente.

Ao mesmo tempo, não adianta escolher um imóvel voltado para a face norte se na frente dele existe um empreendimento ou uma árvore que impedem o sol de brilhar em seu apartamento.

Posicionamento do imóvel: Face Norte x Face Sul

Durante a pesquisa de imóveis, é importante se atentar à posição do local, se é face norte ou face sul.

Para que se compreenda melhor, é preciso entender que a Face Norte acaba sendo geralmente a opção mais interessante, visto que ela recebe mais raios solares durante o dia, principalmente no inverno.

Porém, como explicamos um pouco acima, a veracidade de a Face Norte ser a posição ideal varia muito de caso a caso.

Visto que, se você mora em uma região mais quente, isso pode ser um problema, assim como a Face Sul tende a ser mais fria e escura, e, em regiões mais frias, isso também é ruim.

Além disso, vale ressaltar que nessa “briga” entre Face Norte ou Sul, nenhum imóvel é totalmente Face Norte ou Face Sul, e muitos apartamentos e/ou casas possuem mais de uma face.

Por conta disso, na hora de escolher o imóvel, é ideal que se verifique qual a face de cada cômodo.

Cômodos

Na hora de visitar um imóvel, é preciso ter atenção para alguns detalhes em relação à incidência solar.

Por exemplo, descobrir o horário em que o sol incidirá em ambientes nos quais há mais fluxo, como quarto e sala, é muito importante.

Já em casos de cozinha, lavanderia e banheiro, não existe tanta importância de se ter uma boa incidência solar, visto que são ambientes nos quais acabamos permanecendo por menos tempo durante o dia.

Apesar disso, a lavanderia precisa, pelo menos, ter um pouco de incidência solar, para que as roupas sequem sem apresentarem um mau odor.

Assim, percebe-se que quem procura um imóvel com uma boa incidência solar precisa dar valor a imóveis em que o sol bate pela manhã e em que o sol é mais intenso nos quartos e na sala, já que isso garantirá uma boa sensação térmica no decorrer do dia.

Quando o imóvel tem mais incidência solar no período da tarde, acaba podendo ter mais chances de incomodar, visto que, à tarde, a temperatura costuma aumentar e, por consequência, deixa os cômodos mais abafados, principalmente no verão.

Tome cuidado com a falta e com o excesso

É extremamente importante se atentar aos horários durante os quais o imóvel receberá luz solar, pois locais muito escuros, úmidos e frios acabam influenciando até mesmo na saúde mental dos moradores.

Quanto menos sol bate no imóvel, maior é a chance de surgirem fungos e ácaros, que contribuem para o aparecimento de alergias e outros problemas respiratórios.

Isso sem contar outros problemas em relação à casa, como citamos acima, em que até mesmo as roupas podem ter maior dificuldade para secar e apresentarem um odor forte.

Porém, lembre-se que o oposto também é um problema.

Ou seja, imóveis que recebem sol em uma grande intensidade sofrem problemas residenciais, como o desbotamento da pintura da parede, a redução da vida útil das cortinas, tapetes e sofás, além de acabar aumentando o consumo de energia por conta do ar-condicionado e ventilador.

Para achar o imóvel com o equilíbrio perfeito de incidência solar, a dica mais importante é, se possível, visitar o apartamento em mais de um horário, como de manhã e no fim da tarde, para que, assim, possa-se evitar qualquer surpresa desagradável após a mudança.

Fale Conosco

Descubra quais são as melhores alternativas de crédito imobiliário para você, simule suas parcelas e conquiste o seu primeiro imóvel!​

Te ajudar a conquistar o seu imóvel: sim 👍

Fazer spam: não 👎

Seu e-mail está seguro conosco.

Ou fale conosco via