Imóvel mobiliado: vantagens e desvantagens de alugar!

imóvel mobiliado

Atualmente, praticidade é algo essencial na rotina de todos.

Principalmente na hora de alugar um imóvel.

Pois, quanto mais prático for esse processo, melhor, certo?

Bom, sim e não!

Isso porque, na hora de procurar um imóvel para locação, é preciso muito cuidado e conhecimento para descobrir se é realmente prático.

Por mais que algo possa parecer prático.

Como é o caso de alugar um imóvel mobiliado.

Enquanto muitos acham a coisa mais prática do mundo, outros desconfiam.

Mas, afinal, alugar um imóvel mobiliado é vantajoso ou não?

Isso depende muito.

E, para saber se é uma vantagem mesmo, é necessário saber quais são as vantagens e as desvantagens disso.

Descubra abaixo!

Vantagens

Imóvel mobiliado traz praticidade

Como falamos no início do texto, praticidade é a palavra-chave para uma vida mais sossegada e sem muitas dores de cabeça.

No caso de alugar um imóvel mobiliado, a praticidade é sim uma vantagem.

Afinal, realizar a mudança de uma casa para outra é algo extremamente trabalhoso.

E só quem já viveu essa situação, sabe!

Mudar-se para um imóvel já mobiliado traz a vantagem de não ter a necessidade de, obviamente, levar a mobília.

E isso por si só já é sinônimo de uma mudança mais rápida e prática.

Pois não é preciso se preocupar com diversas coisas comuns em mudanças.

Por exemplo, saber se o tamanho dos móveis é compatível com o novo espaço.

Se a mobília “sobreviverá” à mudança.

Ou, até mesmo, se ela passa pela porta do elevador sem precisar desmontar.

Assim, vemos que, na questão praticidade, alugar um imóvel mobiliado já é sim uma grande vantagem.

Isso pois a mudança é uma etapa que você pulará com muita felicidade.

Imóvel mobiliado traz economia

Além da praticidade, economia é outra palavra que todos adoram ouvir quando o assunto é alugar um imóvel novo.

No caso de alugar um imóvel mobiliado, economia também é uma outra vantagem importante.

Porque é necessário um alto investimento para comprar móveis e eletrodomésticos novos para a sua casa.

Principalmente quando a mudança acontece entre imóveis com tamanhos diferentes.

Ou seja, às vezes nem tudo cabe, ou nem todos os móveis combinam com o espaço e etc.

Para quem possui poucas mobílias, alugar um imóvel com itens já inclusos é logicamente uma grande economia.

Mas, além disso, os custos da mudança também serão muito menores.

Pois são os objetos que mais pesam e ocupam espaço na hora deste processo.

Portanto, em vários casos de mudança para imóveis mobiliados, muitos moradores conseguem efetuar a mudança sem precisar alugar um serviço.

Já que é possível transportar os objetos comuns em um carro normal.

Tamanho da mobília

Se você já se mudou, sabe que, muitas vezes o tamanho do imóvel não é compatível com o antigo.

E, dessa forma, é necessário descartar algumas mobílias e ter de comprar novas.

Alugar um imóvel mobiliado evita essa situação.

E, assim, é uma outra vantagem interessante.

Visto que o espaço já está com toda a mobília arranjada.

Com a medida certa para cada cômodo.

Tempo curto

Se o morador não tem pretensão de morar no espaço por muito tempo, alugar um imóvel mobiliado é a opção mais viável e vantajosa.

Visto que não há muito sentido em investir muito tempo e dinheiro em decoração, mobília e etc em um imóvel no qual você ficará morando por pouco tempo.

Inclusive, o imóvel mobiliado para locação é a opção mais procurada por estudantes e profissionais que vão trabalhar por um pequeno período de tempo na localidade.

Desvantagens

Decoração

Alugar um imóvel vazio traz a vantagem do morador poder deixar todos os espaços com o seu estilo de preferência.

Escolhendo cada item da decoração.

E sabemos que morar em um espaço em que a decoração tem a cara do proprietário muitas vezes é sinônimo de mais conforto e prazer em morar naquele local.

Quando se aluga um imóvel já mobiliado, acaba sendo muito mais complicado deixar o local com a sua cara.

Visto que, geralmente, os proprietários escolhem móveis genéricos e sem muita personalidade.

Já que assim é mais fácil de “agradar” possíveis locatários na hora da visita, evitando qualquer “choque” por encontrar mobílias mais extravagantes.

Por conta disso, a decoração em um imóvel já mobiliado exige muita criatividade para deixar um pouquinho com a cara do morador.

O que, muitas vezes – por conta do tamanho do imóvel e da mobília escolhida pelo proprietário -, pode nunca acontecer, não importa o esforço.

A decoração vira uma desvantagem ainda maior quando os móveis já são antigos.

Pois eles acabam deixando o espaço esteticamente mais apagado e desvalorizado.

Isso pela falta de cuidado com a mobília.

Imóvel mobiliado significa responsabilidade

Como é de se imaginar, alugar um imóvel mobiliado traz a exigência no contrato de que o local seja devolvido nas mesmas condições em que foi entregue.

E, nesse caso, a necessidade de devolver a mobília intacta acaba sendo uma possível desvantagem.

Porque, se acontecer de algum eletrodoméstico ou móvel quebrar, o locador tem a responsabilidade de realizar manutenção ou ter que comprar um novo.

Como sabemos, no dia a dia é comum acontecerem possíveis acidentes ou até mesmos descuidos.

E, assim, alugar um imóvel já mobiliado requer uma responsabilidade muito grande.

Uma que vai até mesmo além da questão de ter cuidado com os objetos.

Mobília antiga

Uma das desvantagens mais claras de alugar um imóvel já mobiliado é justamente a mobília.

Mas, nesse caso, a mobília antiga do morador.

Isso porque não é nada vantajoso para o possível locador ter que se desfazer das suas mobílias antigas só porque o imóvel já é mobiliado.

E isso sem contar que muitos desses móveis podem acabar fazendo falta caso seja necessário se mudar outra vez futuramente para um imóvel que não seja mobiliado.

Além de gasto que isso irá gerar.

Cuidados necessários antes de locar um imóvel mobiliado

Agora você já sabe das vantagens e desvantagens de alugar um imóvel mobiliado.

Veja abaixo alguns cuidados necessários para evitar qualquer futuro problema!

Vistoria

É o documento que atesta o estado do imóvel no momento em que as chaves são entregues.

É algo extremamente essencial para que se garanta que o proprietário receba o imóvel do mesmo jeito.

Portanto, para evitar qualquer dor de cabeça – dores essas que em muitos casos acabam gerando até mesmo processos judiciais -, a vistoria do local deve ser minuciosa.

Para que isso aconteça da maneira mais cuidadosa possível, o futuro morador deve testar todos os objetos, eletrodomésticos e móveis do local.

Deve descrever o seu funcionamento e também, se possível, realizar fotos e vídeos disto.

Isto deve ser feito com todos os objetos, todos mesmo!

Incluindo até tapetes, quadros e outros itens que podem parecer desnecessários para a vistoria.

Mas não são!

Pois isso garantirá que o locador não arque com nenhum problema ou defeito que já existia antes da assinatura de contrato.

Solicitar reparos

Durante esse processo minucioso de vistoria que citamos acima, é possível que se depare com defeitos e problemas em objetos, móveis e eletrodomésticos.

Assim, seguindo a Lei do Inquilinato, o proprietário do imóvel é tem a obrigação de arcar com os tais reparos.

Principalmente os que influenciam na segurança da habitação, como problemas relacionados ao sistema hidráulico e elétrico.

Mas não se engane.

Se você encontrar algum defeito pequeno, e achar que ele não é importante o suficiente para avisar o proprietário ou pedir reparo, pelo contrário!

É viável conversar e deixar qualquer problema encontrado bem claro para o proprietário.

Justamente para evitar qualquer futura dor de cabeça.

Em alguns casos, é possível entrar em acordo com o proprietário, no qual o locador pode pagar pelo conserto e o valor ser abatido da locação mensal.

O que acaba sendo uma resolução mais rápida e vantajosa para ambas as partes.

Lembrando sempre que qualquer negociação precisa ser documentada e assinada pelos dois envolvidos.

Contrato do aluguel requer mais atenção

Como sabemos, qualquer tipo de contrato de aluguel deve ser sempre extremamente detalhado.

Deve conter todas as informações necessárias sobre vencimento, dados pessoais de ambas as partes, valor, problemas encontrados na residência e etc.

Mas, quando se trata de um imóvel já mobiliado, o cuidado com o contrato deve ser em dobro!

O motivo deste cuidado redobrado, logicamente, se dá por conta das suas mobílias.

Além da vistoria inicial, também adicione no documentado a questão do estado da mobília e a responsabilidade sobre os itens do imóvel.

Por exemplo, se o fogão ou a geladeira está no imóvel há um tempo significativo, pode ocorrer dela chegar ao seu tempo de vida útil durante a locação.

E, por isso, uma visita técnica é necessária para apurar o estado do eletrodoméstico. Para deixar bem claro e evitar que a responsabilidade acabe sendo de quem está alugando.

Como pudemos perceber, existe uma série de vantagens e desvantagens ao alugar um imóvel mobiliado.

Cabe ao cliente compreender ambas as coisas e analisar o seu perfil de morador.

E se alugar um imóvel deste tipo é ou não uma vantagem para ele.

Se você ficou interessado em um imóvel já mobiliado após ler esse texto, converse já com um dos nossos especialistas da Imobiliária Capriatti!

Descubra, com a ajuda de um dos nossos profissionais, se um imóvel mobiliado é ou não a melhor opção para você.

Ache o imóvel mobiliado perfeito

Descubra quais são as melhores alternativas de imóveis mobiliados que estão esperando para ser seu lar!

Te ajudar a conquistar o seu imóvel: sim 👍

Fazer spam: não 👎

Seu e-mail está seguro conosco.

Ou fale conosco via