Você conhece as diferentes faixas do Minha Casa Minha Vida?

Você conhece as diferentes faixas do Minha Casa Minha Vida?

A decisão de comprar uma casa ou apartamento nem sempre é difícil de ser tomada, a dificuldade é realmente ter o dinheiro para investir.

Uma alternativa interessante para quem busca formas de financiamento é o Programa Minha Casa Minha Vida.

Se você acha que poucas pessoas podem se beneficiar com essa iniciativa do Governo Federal e que é apenas para quem tem renda bem baixa, está muito enganado.

Então confira agora algumas informações e as diferentes faixas salariais que têm vantagens no programa.

Se preferir, antes de continuar, pode fazer uma simulação de financiamento gratuitamente, agora mesmo, clicando aqui.

Como funciona o Minha Casa Minha Vida

O programa Minha Casa Minha Vida, de acordo com o site do Governo Federal conta com diversas formas de atendimento às famílias que necessitam de moradia, considerando a localização do imóvel – na cidade e no campo, renda familiar e valor da unidade habitacional.

Essa iniciativa do Estado ajuda com o financiamento do imóvel, cujo o valor do subsídio depende da Faixa em que a família se encontra e pode ser feita pelos bancos: CAIXA ou Banco do Brasil.

O que é subsídio?

O subsídio para o financiamento é o valor que o Minha Casa, Minha Vida oferece para reduzir o valor da prestação de financiamento da casa própria.

Ou seja, é um valor que o governo disponibiliza para ajudar as pessoas a conseguirem comprar a casa própria, porém o valor do subsídio varia de acordo com a Faixa salarial.

Fatores que influenciam no valor do subsídio:
• Valor do imóvel;
• Renda do comprador;
• Região em que o imóvel está situada.

Quem pode se beneficiar com o Programa?

O Minha Casa Minha Vida, contempla hoje, quatro diferentes faixas salariais.

Confira agora as 4 faixas de renda contempladas

  1. Faixa 1 – Famílias com renda de até R$ 1.800,00
    Benefícios: Até 90% de subsídio do valor do imóvel, pago em até 120 prestações mensais de, no máximo, R$ 270,00, sem juros. Nessa faixa também há a modalidade MCMV Entidades, que permite que famílias organizadas de forma associativa, por uma Entidade Organizadora (Associações, Cooperativas e outros) habilitada, produzam suas unidades habitacionais.
  2. Faixa 1,5 – Famílias com renda de até R$ 2.600,00
    Até R$ 45.000,00 de subsídio, com 5% de juros ao ano. Se o financiamento for realizado pelo banco da Caixa você terá até 30 anos para pagar.
  3. Faixa 2 – Famílias com renda de até R$ 4.000,00
    Até R$ 27.500,00 de subsídio, com 6% a 7% de juros ao ano.
  4. Faixa 3 – Famílias com renda de até R$ 7.000,00
    Nessa faixa, o programa oferece taxa de juros diferenciada em relação ao mercado, com 8,16% de juros ao ano.

Quer fazer uma simulação de financiamento agora mesmo? Então clique aqui e descubra se seu sonho está próximo! A ferramenta é gratuita e você pode fazer totalmente sem compromisso!

Condições necessárias para participar do Minha Casa, Minha Vida

Você precisa estar dentro dos limites de renda e ver em qual faixa se encaixa, além disso você não pode:

● ser dono ou ter financiamento de imóvel residencial;

● ter recebido benefício de outro programa habitacional do Governo;

● estar cadastrado no Sistema Integrado de Administração de Carteiras Imobiliárias
(SIACI) e/ou Cadastro Nacional de Mutuários (CADMUT);

● ter débitos com o Governo Federal.

Ainda com dúvidas sobre o Programa Minha Casa Minha Vida? Então envie uma mensagem que podemos ajudar.

Oportunidades Minha Casa Minha Vida em Curitiba e região

Nós aqui da Imobiliária Capriatti, trabalhamos com imóveis que fazem parte do Programa.
Quer conhecer e saber mais? Então entre em contato.

Aproveite para ler sobre Como melhorar o seu score de crédito imobiliário

Fonte e referências: Ministério das Cidades e CAIXA