Como investir o 13º salário na sua casa própria!

Como investir o 13º salário na sua casa própria!

O pagamento do 13º salário começa a movimentar a economia brasileira e muitos trabalhadores estão pretendendo utilizar esse pagamento para investir em coisas importantes, ao invés de compras mais supérfluas, como adquirir a sua casa própria!

Se você já recebeu o seu 13º e está com a intenção de realizar o sonho da casa própria, esse texto é para você, veja abaixo algumas coisas que você pode fazer com o seu pagamento.

Dar entrada

A primeira parcela do pagamento de um financiamento imobiliário geralmente é muito conhecida por ser a mais cara. Portanto, utilizar o 13º é uma boa oportunidade para se livrar de vez dela, tendo mais facilidade para se manter financeiramente durante os próximos meses. Se houver a possibilidade, o cliente ainda pode optar em pagar mais de uma parcela para facilitar mais ainda.

Pagar parcelas atrasadas

Atrasar as parcelas do seu financiamento não é nada bom, pois põe em risco a conquista do seu empreendimento. Por isso, o 13º pode ser uma boa oportunidade para pagar quaisquer parcelas atrasadas. É importante lembrar que faltar com o pagamento de três prestações faz com que o dono do imóvel seja notificado por escrito, e caso não haja a quitação das parcelas devedoras, o mesmo pode acabar perdendo o bem, ainda havendo a chance de recorrer na justiça.

Fundo de reserva

Outra boa alternativa na utilização do seu 13º é fazer um fundo de reserva, que pode servir para o pagamento de despesas extras, como o IPTU, ITBI e outras que podem surgir de maneira emergencial. O fundo de reserva é ótimo para evitar atrasos, além de que o 13º o engordará mais rapidamente.

Quitar o financiamento

Caso faltem poucas parcelas para quitar de vez o seu financiamento, o 13º cairá como uma luva para que você e sua família respirem mais aliviados pelos próximos anos. Se você está considerando isso, é ideal que procure a financeira responsável para negociar as parcelas restantes, pedindo um desconto ou até mesmo um abate nos juros.

Serviços e taxas

Como você deve saber, a compra de um imóvel envolve diversas taxas e serviços, que acabam pesando no bolso, principalmente nas dos desavisados que não fazem ideia da existência delas. Por isso, o 13º é muito bem-vindo na hora de custear os serviços de despachantes, seguros, taxas sobre a avaliação do imóvel e diversas outras documentações.

Faça um planejamento

Mesmo que tenhamos separados boas dicas para você utilizar o seu dinheiro, lembre-se de que não é uma boa alternativa sair gastando sem pensar, mesmo que seja para aliviar alguma coisa que citamos acima. Por isso, antes de tudo, planeje-se!

Sente e comece a definir quais são as suas prioridades e o que é possível ser feito neste momento, sem esquecer de avaliar o custo-benefício das escolhas. Uma dica para se prevenir financeiramente é pedir ao banco a planilha com a projeção de todas as parcelas do financiamento, que incluem as taxas extras e os seguros das prestações.

O 13º é sim uma ótima ajuda para financiar o seu imóvel, mas planejamento é sempre fundamental, principalmente para evitar dívidas e perdas. Está pensando em utilizar o seu 13º? Faltou alguma dúvida a ser respondida neste texto? Então entre em contato agora com os nossos especialistas, via WhatsApp, (41) 98803.6166, ou clicando aqui!

 #nostemosseuprimeiroimovel